Natal em família

Conversando com Papai Noel!

Conversando com Papai Noel!

Bom dia.

O espírito de Natal é lindo! Eu amo e fico emocionada com as campanhas, as doações, o voluntariado e tudo o que é feito de bom para nossos irmãos. Natal significa a celebração do nascimento de Jesus e esse nascimento também pode ser o do perdão, ou de um novo sentimento dentro de nós que nos faça melhor!
Nosso Natal foi excelente, como todos os anos ficamos com a família toda reunida na casa da vó: pais, tios, primos, sogros, marido, vó, sobrinhos, enfim, todo mundo comemorando mais um ano de reunião e união, que delícia!
E um ano com dois integrantes novos, que deixaram nossa família ainda mais feliz e alegre: Manuela, filha do meu primo, com 5 meses e o Davi, com 1 aninho e que esse ano pode participar mais da comemoração, pois no último Natal ele ia completar apenas dois meses de vida e nesse ano, pode celebrar e brincar conosco!
E como adorou o Natal! O canto da árvore de Natal foi o preferido desde que montamos, as luzes dos “piscas” são fascinantes para ele. Quando desmontarmos a árvore, vou sentir falta das noites em que chegamos em casa e ele vai logo pedindo para acender o pisca-pisca e vibra, bate palmas, fica todo feliz!
O espírito de Natal é isso, estar perto de quem amamos, beijar, abraçar curtir cada um de nossa família, que é nosso maior presente.
Agora nos preparamos para dar as boas vindas para o novo ano que se aproxima, fazer o balanço do ano que passou e planejar nossos novos projetos.
Um brinde à felicidade! Tim Tim!

🙂

Um anjo chamado mãe

Hoje li esse texto na internet e fiquei emocionada. É muito lindo, sobre uma criança que está prestes a vir à Terra, mas por estar insegura, questiona Deus e não quer se despedir Dele. Ele, lindamente mostra a ela que um anjo estará pronto para recebe-la e cuidar com todo o amor.
Eu acredito em anjos. E você?

🙂

Uma criança pronta para nascer perguntou a Deus:

“Dizem-me que estarei sendo enviado a Terra amanhã…

Como eu vou viver lá, sendo assim pequeno e indefeso?”

E Deus disse: “Entre muitos anjos, eu escolhi um especial para você.

Estará lhe esperando e tomará conta de você”.

Anjos

Criança: “Mas diga-me, aqui no Céu eu não faço nada a não ser cantar e sorrir, o que é suficiente para que eu seja feliz. Serei feliz lá?”.

Deus: “Seu anjo cantará e sorrirá para você…

A cada dia, a cada instante, você sentirá o amor do seu anjo e será feliz”.

Criança: “Como poderei entender quando falarem comigo, se eu não conheço a língua que as pessoas falam?”.

Deus: “Com muita paciência e carinho, seu anjo lhe ensinará a falar”.

Criança: “E o que farei quando eu quiser Te falar?”.

Deus: “Seu anjo juntará suas mãos e lhe ensinará a rezar”.

Criança: “Eu ouvi que na Terra há homens maus. Quem me protegerá?”.

Deus: “Seu anjo lhe defenderá mesmo que signifique arriscar sua própria vida”.

Criança: “Mas eu serei sempre triste porque eu não Te verei mais”.

Deus: “Seu anjo sempre lhe falará sobre Mim, lhe ensinará a maneira de vir a Mim, e Eu estarei sempre dentro de você”.

Nesse momento havia muita paz no Céu, mas as vozes da Terra já podiam ser ouvidas. A criança, apressada, pediu suavemente:

“Oh Deus, se eu estiver a ponto de ir agora, diga-me, por favor, o nome do meu anjo”.

E Deus respondeu: “O seu anjo se chamará… MÃE !”

Fonte: http://www.esoterikha.com